Arquitetando: 2° Semestre


Oi!
Fugindo da rotina pra fazer esse post. Vou fazer um pouco diferente, separando por matéria e explicar como foi em cada uma.
O post é grande, mas acho legal compartilhar. Eu gosto de ler mais sobre o que outros estudantes de arquitetura estão passando e aqui está meu depoimento hahaha

Desenho Arquitetônico
A matéria mais legal de todas. Hahaha
Sabia que uma escada não pode ter mais que 15 degraus sem ter um patamar? E que a altura do degrau não pode ter mais que 18cm e a sua profundidade não pode ser menor que 28cm? E que pra uma rampa acessível vencer uma altura de 2,60m ela tem que ter cerca de 31m de extensão? Como que se representa uma porta de correr em planta? Como desenhar uma planta seguindo as normas? Você sabe o que é um corte de uma casa? E sabe desenhar uma perspectiva usando um ou mais pontos de fuga? Então, é tipo isso que aprendemos nessa matéria linda ♥

Projeto Arquitetônico: Intervenção em Terreno Real
Essa foi a decepção. Não pela matéria, mas pelo professor.
O projeto individual mais importante foi o de projetar duas casas que eram geminadas. Entrevistamos parentes ou amigos e tentamos fazer uma casa para eles tendo como base suas personalidades e necessidades. Essa é a área que mas me interessa na arquitetura. Eu adorei fazer! O que me deixou triste e que me acordou que eu realmente estava na faculdade foi que o professor não fez muito caso em entender e corrigir corretamente as plantas (não foram poucas, entreguei 8 folhas no tamanho A3). No final elas estavam rabiscadas em vermelho e marcadas em vários lugares como errada, mas nem tudo estavam realmente errado, foi falta de 3 segundos a mais pra entender o que eu realmente tinha desenhado. Recebemos muitos "tapas na cara" e até hoje eu não entendo se realmente os alunos estavam tendo ideias ridículas e inviáveis para as seus projetos ou se era só diversão do professor em cortar a criatividade de todo mundo.


Maquete das casa não tão bonita, mas feita de coração. O negócio é entender a estrutura.

Projeto de Urbanismo: O Cenário Urbano
Embora eu tenha gostado dessa matéria, eu descobri que o Urbanismo pode ser um caso de amor e ódio. É obviamente muito importante, eu gosto, mas realmente não é a minha área favorita. Mas enfim, falando de projeto:
O professor designou uma área do centro de São Paulo. Nesse local nós procuramos o que tinha de errado e pouco funcional em questões urbanísticas. Como falta de placas de sinalização, segurança, limpeza, etc. Nós visitamos o local, fizemos toda a análise e apresentamos nossa proposta de mudança e como elas poderiam melhorar aquela área. Foi engraçado tentar ter aquele olhar urbanista, achei até que todo mundo ficou receoso de fazer alguma mudança meio maluca, mas o professor encorajou e disse que esse era o objetivo de tudo. 

Mecânica dos Solos e Fundações
É aqui que começa as contas haha
Foi a matéria mais complicada do semestre, com aquele desafio de entender o que o professor tá falando. É basicamente assim: cada solo vai ter um tipo de fundação mais recomendada. Se isso não for seguido, a estrutura pode sofrer recalque e desencadear um montão de problemas. Então é realizado vários estudos do solo antes que a construção seja iniciada. Existe vááários tipos de fundações e cada uma delas tem o seu cálculo específico (onde estão aquelas contas que eu comentei) e suas características. Eu sugiro uma pesquisada nos prédios tortos de Santos, é interessante.

Topografia, Aerofotogrametria e Sesoriamento Remoto
Sim, um monte de palavrões, eu sei. O que eu tenho a dizer sobre essa matéria é que o professor deu bastante daquele "boi" pra gente.
Definição de topografia: configuração de uma extensão de terra com a posição de todos os seus acidentes naturais ou artificiais. Ou seja, de modo tosco, a topografia de um lugar é analisar se ela tem elevações ou declives, se o terreno é reto ou não. Usamos bastante ângulos, deflexão, rumos e azimutes. Não vou ficar explicando o que é porque ninguém merece, né? Hahaha Mas foi legal :D

Bom, enfim. Eu descobri cada vez mais uma paixãozinha aqui e ali em áreas diferentes. Ainda não tenho certeza pra onde eu vou depois de tudo isso, mas estou aproveitando tanto conteúdo incrível. 
Espero ansiosamente pra ver quais vão ser as novas matérias. 
Ah! Meta acadêmica para esse ano: passar mais tempo na biblioteca. Tem muita coisa incrível lá e eu quero ter um contato maior com ela.

Deixo links de fotos no instagram relacionados a faculdade. Tem gato "atrapalhando" o processo: 1, 2, 3, 4, 5, 6. Me segue lá :)

E já respondeu a pesquisa do blog?

Beijocas estudiosas,
   Karol

3 comentários:

  1. gilvaniagyll18/01/2015 09:17

    oi kaaa, uma paixao essa profissao e por mais que vc tenha decepções não fique mal amiga, na facul de jornalismo eu tinha tantas prof que desestimulavam :( parece que eles sao a 'concorrencia' kk
    kaaaa me visite também:
    Gilvaniaevans.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Ká! Nossa que massa as matérias da sua facul!

    Tá certa de passar mais tempo na biblioteca sim, o que aprendemos em sala de aula é só uma base, temos que buscar nos aprofundar em outros assuntos relacionados para nos encontrar profissionalmente.

    Beijinhos e feliz 2015!!

    ResponderExcluir
  3. Oi! Legal, né? Haha
    Sim, as aulas são só uma base mesmo. Na última semana de aula eu ajudei uma amiga a procurar um livro e achei um monte que fiquei com vontade de ler!

    Beijocas, obrigada por passar por aqui e feliz 2015 pra você também! :D

    ResponderExcluir